Barkus 6 anos: conheça os ventos que nos guiaram até aqui

  • 19 de maio de 2022
  • Por Comunicação Barkus

Coletividade: peça fundamental para o funcionamento de qualquer embarcação. Mesmo quando o mar está revolto e as dificuldades aparecem, em um barco, é necessário que todos os tripulantes continuem remando em prol de um mesmo objetivo, na busca por novos horizontes. E aqui, no nosso barco, não é diferente!

 

A Barkus sempre foi um sonho coletivo, por isso, é impossível falar sobre a nossa história, sem falar das pessoas, empresas e organizações que impulsionaram o nosso desenvolvimento. Hoje, dia do nosso aniversário, estamos em clima de nostalgia, e queremos compartilhar um pouco da nossa trajetória e celebrar os ventos que nos guiaram até aqui.

Onde tudo começou: CEFET-RJ

Apesar de a Barkus ter nascido oficialmente em maio de 2016, nossa trajetória começou em 2012, quando um grupo de alunos do ensino médio decidiram se inscrever em um programa de iniciação científica criado pela escola com o objetivo de entender o comportamento de consumo e práticas financeiras dos jovens. E adivinha quem são dois desses alunos?

 

Bia Santos e Marden Rodrigues, os fundadores da Barkus!  <3 

 

Na época, incentivados pelo professor Mauro Barros, eles realizaram uma pesquisa com mais de 200 adolescentes e chegaram à conclusão de que os jovens não conheciam o mínimo sobre produtos financeiros, tinham dificuldades de se planejar para o futuro e ignoravam assuntos como crédito e investimentos.

 

Esses foram dados suficientes para impulsionar o desenvolvimento do que podemos considerar o primeiro MVP (produto mínimo viável) da Barkus: uma cartilha de educação financeira e um blog na internet que traduzia o “economês” dos livros, transformando educação financeira em uma linguagem leve e divertida para mostrar aos jovens que falar sobre dinheiro não deveria ser um tabu.

 

E spoiler: eles se apaixonaram por esse propósito e estão fazendo isso até hoje.

O que eu tô fazendo aqui? Eu só tenho 16 anos!

“Eu me lembro da primeira vez que fomos chamados para fazer uma palestra. Era para uma escola e teríamos cerca de 90 alunos de ensino médio participando. Antes de o dia chegar, eu fiquei apavorado. Mas, durante a apresentação, não havia pavor algum! Nos conectamos com as pessoas. Falamos com brilho nos olhos sobre a importância da educação financeira e saímos com a sensação de ter mudado o mundo particular de alguns ser-humaninhos. O pensamento era só um: “eu quero mais disso”. Marden Rodrigues, CTO da Barkus.

Educação financeira para jovens

A Barkus foi oficialmente criada em 2016, com o lançamento do nosso primeiro produto: uma mentoria de educação financeira para jovens. Com apenas 6 meses de startup, já comemoramos um marco: mais de 1.000 jovens que, por meio de palestras, tiveram contato com o mundo das finanças pessoais.

 

Além disso, foi através dessas palestras em escolas e instituições que nossos fundadores conheceram o professor Carlos Batalha, que na época era diretor da primeira Escola de Educação Financeira do País. Batalha abriu portas para muitas oportunidades, dentre elas, o trabalho que desenvolvemos até hoje no Instituto Profissionalizante Mangueira, liderado por nosso educador financeiro Rodrigo Bernardo.

 

A linguagem leve e descontraída das palestras atraiu tantos jovens que em 2018 criamos dois novos produtos que foram essenciais para o desenvolvimento do nosso negócio: os cursos Atlas e Libertas.

O Atlas era voltado para escolas que se preocupam com a educação financeira dos seus alunos do 6º ano do Ensino Fundamental até o 2º ano do Ensino Médio. O curso apoiava crianças e adolescentes no desenvolvimento de atitudes e comportamentos que resultam em uma vida financeira saudável no futuro (não só deles, mas dos familiares também). 

 

Já o Libertas tinha uma metodologia voltada para jovens e adultos que já tinham começado suas vidas financeiras e estavam enfrentando problemas para se organizarem e realizarem seus sonhos. Por isso, o curso tratava da organização dos gastos, planejamento para objetivos, uso do crédito de forma consciente e introdução a investimentos.

 

Além das nossas turmas próprias, o Libertas despertou também o interesse de empresas e instituições que começamos a atender através de projetos personalizados para cada cliente, tendo como ponto de partida, a metodologia original do curso.

Bem-estar financeiro nas empresas

Com o Libertas nas empresas, sentimos a necessidade de criar um produto que pudesse ser escalável para que, a cada dia, mais pessoas fossem impactadas. Por isso, em 2020 lançamos a Iara: uma inteligência artificial que leva diversos temas do mundo financeiro para dentro de uma conversa via Whatsapp, de forma humanizada e leve.

Com a Iara, criamos trilhas personalizadas de conteúdo de acordo com as necessidades do público dos clientes, que vão desde o maior letramento financeiro dos funcionários até o apoio ao início da experiência em investimentos. Hoje, a Iara é nosso principal produto, levando educação financeira para colaboradores de empresas como Natura e Itaú.

Viemos pra movimentar

Quem vê nossos fundadores, Bia e Marden, sendo reconhecidos pela Forbes como Under 30 na área de Ciência e Educação, não imagina o quanto essa dupla já correu atrás de ônibus para não se atrasar nas palestras e mentorias. Ou até mesmo o quanto já tiveram que se desdobrar para se dedicar à Barkus mesmo quando ainda não tinham lucro.

“Por muito tempo, fizemos nosso trabalho com jovens de baixa renda de forma voluntária, pois era gratificante ver a transformação e o impacto que nossas palestras e mentorias causavam na vida das pessoas. Mas nunca vou me esquecer do dia em que recebemos R$40,00 de ajuda de custo para um projeto e isso nos motivou a continuar.” Bia Santos, CEO da Barkus.

Além da perseverança dos empreendedores, tivemos muitas oportunidades que nos possibilitaram navegar ainda mais rápido. Ganhamos o programa Meu Bolso em Dia, desenvolvido pela FEBRABAN e o Banco Central; fomos uma das empresas investidas pelo Google for Startups, através do Black Founders Fund e recebemos o selo Impact, da Fundação Dom Cabral e o Prêmio Impactos Positivos.

Quem vê close, não vê corre

Desde 2016, já impactamos mais de 45 mil pessoas e esse é só o começo! Nosso objetivo é chegar a 500 mil pessoas até o final de 2022 e já estamos caminhando de encontro a esse propósito.

 

Para isso, recebemos novos tripulantes em nosso barco, aumentando o nosso time a fim de estruturar os processos internos e expandir o nosso negócio. Além disso, também fomos um dos primeiros negócios de impacto social selecionados para receber investimento, via empréstimo, do filantropo Elie Horn, fundador da Cyrela, através de articulação da aceleradora Artemísia. E sabe o que isso significa? Que nossa equipe está crescendo ainda mais e nossos produtos estão sendo aprimorados dia a dia. 

 

Estamos preparados para levar educação financeira aos quatro cantos do Brasil e apoiar a população na melhoria da qualidade de vida, fazendo com que o alto índice de inadimplência e a falta de conhecimentos financeiros fiquem para trás, dando lugar a uma sociedade mais justa para todos e todas.

 

Nossa missão é democratizar o acesso à educação financeira no Brasil, e não vamos parar, pois #viemospramovimentar

Compartilhe esse conteúdo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin