O que fazer com o dinheiro do saque do FGTS e onde investir?

25 de julho de 2018
Por Bia Santos

No dia 24 de Julho, o governo do Brasil anunciou oficialmente a nova abertura para saque dos valores que constam nas contas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), sejam as contas ativas ou inativas, repetindo o que foi realizado em 2017. Vamos falar sobre o que fazer com o saque do FGTS e onde investir.

Como acontecerão os saques do FGTS?

A primeira parte do saque acontecerá ainda esse ano será limitada a no máximo R$500,00 e será liberado em Setembro de 2019. 

A segunda parte começará no ano que vem e seguirá uma tabela de porcentagem.

O que fazer com o dinheiro do saque do FGTS e onde investir? 

Assim que o saque foi anunciado surgiu a dúvida: o que fazer com esse valor?
Pagar contas? Gastar tudo no barzinho? Adiantar contas? Investir?
São várias opções, mas como estamos aqui para cuidar da saúde da sua vida financeira, vamos indicar as melhores opções para esse dinheiro extra que virá todo ano. 

 

1 – Pagar dívidas

Em Maior de 2019, o total de famílias endividadas chegava a 63,4%, um dos maiores percentuais desde 2015. O caminho ideal para esse dinheiro extra é se livrar de todas as dívidas possíveis e dar um gás na sua saúde financeira. É provável que R$500,00 não seja suficiente para quitar todas as suas dívidas, mas tente entrar em contato com as instituições e solicite uma negociação dos valores, assim você garante pelo menos alguns pagamentos já em Setembro.

 

2 – Reserva de emergência

Caso suas contas estejam em dia, uma excelente direção para esses valores é a reserva de emergência. É muito importante ter um dinheiro guardado para emergências, tanto as ruins quanto as boas (imagine uma super promoção de um bem que você precisa?). Procure investimentos em renda fixa com liquidez diária (vamos mencionar mais alguns ao longo do texto.)

 

3 – Faça um investimento

A última opção que citaremos aqui são os investimentos. Todo mundo sabe que o rendimento do FGTS é ridiculamente baixo, então somente iremos citar opções de investimentos com  rendimentos mais altos. Para quem é mais conservador e costumava utilizar a poupança, as melhores opções são o Tesouro Direto, CDB, LCI ou Fundos DI (clique nos nomes para saber mais sobre cada um). Todos esses investimentos são de renda fixa, ou seja, são seguros e não costumam variar, alguns estão ainda protegidos da inflação. Clique aqui para saber mais sobre renda fixa.

Já para quem é mais aventureiro, a Bolsa já acumula alta de 18% em 2019, então pode ser uma boa opção começar a investir em renda variável, mas lembre-se que essa opção possui um risco maior. 

Faça um curso para aprender a investir o dinheiro do saque do FGTS

Aqui na Barkus possuímos um curso completo presencial que vai desde a organização financeira, passando pelo planejamento financeiro e chegando aos investimentos em renda fixa. Para saber mais acesse o link: Curso Libertas 2019 (o curso é no Rio de Janeiro).

Compartilhe esse conteúdo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin